Autor: Bryan Porphirio

Como a neurociência do prazer explica a teoria do vício?

“Quanto maior é a sede, maior é o prazer em satisfazê-la.” Dante Alighieri Já parou para pensar quantos pequenos momentos de prazer temos em nossas rotinas diárias, do acordar ao dormir? Ver e beijar aquela pessoa que você tem atração, beber uma água bem geladinha quando você acabou de se exercitar, o aviso do seu banco falando que seu salário caiu na conta, aquele chocolate que você tava com tanta vontade de comer. E então você pode estar se perguntando: como sentimos esse prazer e quem “traduz” para nós essa sensação? Além disso, temos o córtex, uma fina camada da… Leia mais

Entre pesadelos e calmaria: como funcionam os sonhos?

“Nós temos sonhos; não é talvez toda a vida um sonho? Mais precisamente: existe um critério seguro para distinguir sonho e realidade, fantasmas e objetos reais?”                            – Arthur Schopenhauer Nosso cérebro é certamente uma máquina biológica fantástica. Dividido em dois hemisférios e seis lobos, que são capazes de perceber tudo aquilo em nossa volta: o medo e o prazer, o irreal e o real, o perigo e o alívio. Estamos inclusive falando de sensações, emoções, memorização, fala, audição, visão, olfato, entre outras incríveis capacidades, e tudo isso… Leia mais

Vírus: Há mocinhos ou só vilões?

“O mundo está cheio de contradições. Se jamais adoecêssemos, jamais saberíamos o que é gozar de boa saúde. Tanto o bem quanto o mal tem um lugar necessário no todo. Se não houvesse um duelo constante entre os opostos, o mundo deixaria de existir”. – Heráclito Assim disse o pai da dialética, Heráclito, que recebera a denominação de obscuro, principalmente na obra atribuída à ele por Diógenes Laércio, chamada de “Sobre a Natureza”. E quem falou deste filósofo para mim, foi uma amiga, a Ana Paula, também colunista do site A Ciência Explica. Obrigadão, Ana! Essa frase deste grande filósofo… Leia mais