[Ciência às Seis e Meia] Ciência Para Educação com o Dr. Roberto Lent

No mês de março, o Ciência às Seis e Meia irá trazer o pesquisador Dr. Roberto Lent para esclarecer como a ciência pode melhorar a educação e o ensino e, com isso, acelerar o crescimento dos nossos indicadores educacionais que se mostram tão modestos.

“Um grande avanço na última mudança de século foi a consolidação do conceito de pesquisa translacional, aplicado com sucesso na Saúde e nas Engenharias em praticamente todos os países de médio/alto PIB. Intrigantemente, isso não ocorreu com a Educação. Ainda não se percebe que a Ciência já pode compreender como as pessoas aprendem, quais os mecanismos aceleradores da aprendizagem e do ensino, e como isso impactaria a economia e a ascensão social das nações”, explica Lent, coordenador da Rede Nacional de Ciência para a Educação (Rede CpE).

Essas pesquisas translacionais organizadas pela Rede CpE gerou o primeiro livro da Rede. O “Ciência para Educação: Uma Ponte Entre Dois Mundos” conta com 25 autores de diferentes áreas, todos com um objetivo: tornar as pesquisas feitas dentro da academia aplicável para a educação.

 

Roberto Lent e Ciência às Seis e Meia: Um encontro marcante

A apresentação do Dr. Roberto Lent será emblemática para a história do Ciência às Seis e Meia e para a SBPC, pois Lent, junto com outros membros cientistas da SBPC, deu início ao projeto Ciência às Seis e Meia enquanto secretário regional da SBPC/RJ em 1976.

Na época em que foi eleito, Roberto Lent e a SBPC como um todo, enfrentavam as represálias da ditadura militar e para proporcionar uma maior segurança aos encontros, o Ciência às Seis e Meia ocorria na Academia Brasileira de Ciência (ABC) e, em alguns momentos, no Palácio da Cultura.

O físico Enio Candotti foi o sucessor de Lent na secretaria regional da SBPC/RJ e deu prosseguimento ao Ciência às Seis e Meia. A iniciativa foi replicada em outros estados e, nos anos 80 (1983-84), a secretaria regional de Pernambuco começou a fazer também, sendo uma tradição da SBPC que se seguiu.

A apresentação, chamada “Ciência Para Educação: Uma Ponte entre Dois Mundos” acontecerá dia 07 de março às 18h30 no Museu do Amanhã.

 

O Ciência às Seis e Meia

O projeto Ciência às Seis e Meia é um ciclo de apresentações de divulgação científica voltada para o grande público que se deu início nos anos 80 com a Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), na regional do Rio de Janeiro.

Com o objetivo de aumentar o contato entre os cientistas e a população, a SPBC sempre traz temas atuais do mundo das ciências biológicas, exatas e humanas para serem discutidos com o público em apresentações com linguagem acessível.

O Ciência às Seis e Meia ocorre toda primeira quarta-feira do mês de forma gratuita e ainda conta com emissão de certificado de participação pela SBPC/RJ.

 

Serviço

“Ciência Para Educação: Uma Ponte Entre Dois Mundos” com o Dr. Roberto Lent, chefe do Laboratório de Neuroplasticidade do Instituto de Ciências Biomédicas na UFRJ. É membro titular da Academia Brasileira de Ciências, presidente do Conselho Deliberativo do Instituto Ciência Hoje e Coordenador da Rede Nacional de Ciência para Educação.

Data: 07 de março às 18h30

Local: Museu do Amanhã – Praça Mauá, 1 – Centro – RJ

Sala do Observatório do Amanhã

Evento no Facebook

 

O Ciência às Seis e Meia é organizado pela SBPC – RJ e SBPC – Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência. Conta ainda com o apoio do Museu do Amanhã e do portal de divulgação científica A Ciência Explica.

 

Você também poderá gostar:

comentários

Sidcley Lyra

Formado em Ciências Biológicas: Microbiologia e Imunologia pela UFRJ no ano de 2017. Tenho experiência na área de Microbiologia, com ênfase em Microbiologia Ambiental. Além dos estudos que resultou no TCC, participei de alguns projetos de popularização da ciência, como o Cineclube Biofilme e o Ciência em Jogo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: